As Primeiras Testemunhas

... o corpo foi envolvido em linho e depositado no túmulo. Maria Madelena e a outra Maria sentaram-se num lugar de onde podiam vê-lo... Dois dias depois, nas primeiras horas do domingo, as mulheres foram ao túmulo. Chegando lá, elas o encontraram aberto e entraram, mas não viram o corpo de Jesus lá dentro...

Posted by Fellipe Brito on March 3, 2018

“…o corpo foi envolvido em linho e depositado no túmulo. Maria Madelena e a outra Maria sentaram-se num lugar de onde podiam vê-lo… Dois dias depois, nas primeiras horas do domingo, as mulheres foram ao túmulo. Chegando lá, elas o encontraram aberto e entraram, mas não viram o corpo de Jesus lá dentro…“ - (paráfrase minha dos depoimentos das testemunhas oculares relatados nas compilações de Marcos e do doutor Lucas)

Entre as evidências de que o túmulo de Jesus realmente estava vazio está o fato de mulheres serem reportadas como as primeiras testemunhas. Para entender a importancia desse ponto você precisa saber pelo menos duas coisas a respeito do lugar da mulher na sociedade Judaica do primeiro século:

Mulheres não eram aceitas como testemunhas críveis naquela época.

Flávio Josefo, historiador Judaico do primeiro século, relata o seguinte: “Das mulheres, nenhuma evidência será aceita, por causa da frivolidade e temeridade do seu sexo” Antiquidades iv.8.15 - Essa declaração não é de nenhuma maneira relacionada com o antigo testamento, é apenas um relato do próprio Josefo a respeito das praticas da sociedade judaica e patriarcal do primeiro século.

Mulheres eram cidadãos de segunda classe

Alguns exemplos de que, comparadas a homens, mulheres eram cidadãos de segunda classe podem ser encontrados em alguns textos judaicos da época:
- “Antes que as palavras da Lei sejam queimadas do que ensinadas as mulheres”
JT Sotah 3:4, 19
- “Feliz é aquele que seus filhos são homens, mas infeliz é aquele que seus filhos são mulheres”
Kiddushin 82b

Dado o status social baixo e a inabilidade de serem testemunhas, é impressionante que as mulheres sejam relatadas como as descobridoras do túmulo vazio! Para você ter uma idéia, veja como Lucas relata o comportamento dos discípulos homens ao ouvirem a história contada pelas mulheres:

“… elas deixaram o túmulo e correram para contar tudo aos Onze e aos demais. Maria Madelena, Joana, Maria, mãe de Tiago e as outras mulheres que estavam com elas relataram os fatos aos apóstolos, mas eles não acreditaram numa só palavra que elas disseram, achando que era coisa da cabeça das mulheres” - Lucas 24 9-11

Não há razão alguma para que as mulheres sejam reportadas como as primeiras testemunhas oculares a não ser que isso realmente tenha sido verdade.

Se os autores dos evangelhos sentissem que tinham liberdade de manipular a narrativa histórica, com certeza eles teriam todas as razões do mundo para remover o relato de que mulheres foram as primeiras a ver Jesus. Não havia nenhuma vantagem, para a igreja, em adicionar a história o fato de que as primeiras testemunhas oculares do túmulo vazio e de Jesus ressurrecto foram mulheres. Este detalhe no mínimo enfraqueceria a credibilidade do relato.

Se o túmulo vazio fosse uma lenda, então com certeza, os discípulos homens seriam relatados como aqueles que descobriram a cena.

Mesmo sendo inoportuno e embaraçoso o fato de que mulheres, cujo testemunho seria tido como sem mérito, foram as principais testemunhas do túmulo vazio, o compilador desses eventos optou por ser fiel ao relato das testemunhas oculares. Essa é a única explicação que faz sentido.


Fontes: